Chegou a FEIRA DO LIVRO!

36ª Edição da Feira do Livro - PROGRAMA

Chegou a FEIRA DO LIVRO!

Em cada ano, aguardamos ansiosamente a chegada da Feira do Livro que nos traz aquele entardecer lento dos longos dias de Verão, a vontade de reler velhos romances perdidos nas memórias ou um olhar mais demorado sobre os títulos mais recentes.
Ei-la! Chegou de novo! A despertar todos os nossos sentidos com um programa apetitoso de luz, cor, som e sabor. E sempre com o afago dos afectos: do longe e do aqui, do outrora e do agora, do vivido e do sonhado!

A Vereadora da Cultura,
Maria José Guerreiro






Feira do Livro de Viana do Castelo

@feiradolivrovianadocastelo




Um programa recheado com:


- animação infantil [DIÁRIA] - ver programa

  • 17:30H - junto ao Posto de Leitura - Carrinha Itenerante
  • 21:30H - na Tenda da Pequenada


- apresentação de livros ver programa
  • SEG/18 
19:00H
Lançamento do livro:
“Actas da Jornada Abel Viana, paixão pela arqueologia: (1896-1964)”
(Biblioteca Municipal)


21:30H
Lançamento do livro: ADIADO - data a informar posteriormente
“Os caminhos da Europa: dez anos no Comité das Regiões”, de José Luís Carneiro
(Biblioteca Municipal)

  • TER/19 
21:30H
Lançamento da revista: ADIADO - data a informar posteriormente
“A Falar de Viana… Volume V, 2ª série”
(Biblioteca Municipal)

  • QUA/20 
18:00H
“À descoberta dos lugares”, de Rui Alcântara Carreira
(Stand da livraria Antunes Livreiros)

  • QUI/21 
18:00H
Lançamento do livro: “A saúde pública e os enfermeiros entre o Vintismo e a Regeneração
(1821-1852)”, de Carlos Louzada Lopes Subtil
(Biblioteca Municipal)

21:00H
“As falas da face – processo Casa Pia: aplicação da análise a expressão facial à luz do direito penal português”, de Ana Coelho-Moreira
(Stand da livraria Antunes Livreiros)

  • SÁB/23 
18:00H
Lançamento da Revista: “Estudos Regionais, vol.10 (2ª série)”, do Centro Estudos Regionais
(Biblioteca Municipal)


18:30H
“Quando ruiu a ponte sobre o Tamisa”, de Ana Gil Campos
(Stand da livraria Antunes Livreiros)

  • SÁB/30 
17:00H
Lançamento do livro: “Carolino Ramos – a pulsão pela arte”, 
(Biblioteca Municipal)

18:30H
“Quando ruiu a ponte sobre o Tamisa”, de Ana Gil Campos
(Stand da livraria Antunes Livreiros)


21:30H
Pedro Chagas Freitas
(Stand da livraria Antunes Livreiros)

  • DOM/24 
18:30H
“Quando ruiu a ponte sobre o Tamisa”, de Ana Gil Campos
(Stand da livraria Antunes Livreiros)

  • DOM/31 
18:30H
“Quando ruiu a ponte sobre o Tamisa”, de Ana Gil Campos
(Stand da livraria Antunes Livreiros)



- exposições ver programa
  • SÁB/16 11:00H





Inauguração da exposição de obra gráfica:
“Isabel Baraona – a mão que desenha escreve a palavra”
(Biblioteca Municipal)

OUTRAS
EXPOSIÇÕES

O Escultor de Memórias e de Sonhos, de Joaquim Pires,
org. Centro Cultural do Alto Minho (Antigos Paços do Concelho, 1º andar)

Homenagem a Miguel Ventura Terra
- exposição comemorativa do seu nascimento, org.: Câmara Municipal Viana do Castelo
(Antigos Paços do Concelho, piso 0)

O Tempo Resgatado ao Mar, org.: Câmara Municipal de Viana do Castelo e Museu
Nacional Arqueologia 
(Museu de Artes Decorativas)

Música e Palavras: obras e coleção de Serralves, org.: Fundação Serralves
e Câmara Municipal Viana do Castelo
(Espaço Linha Norte)


- música, teatro e dança ver programa

- programas de rádio ver programa


- sessões de autógrafos ver programa


- workshops e oficinas  ver programa

  • DOM/17 

18:00H
Linogravura / carimbo 
- A minha história de imagens
(Carrinha Chapa Azul)
Obs. Máximo de 10 participantes

  • SÁB/23 

18:00H
Impressão marmoreada e encadernação japonesa
- constrói o teu caderno
(Carrinha Chapa Azul)
Obs. Máximo de 10 participantes


  • DOM/24 

18:00H
Impressão em gelatina e encadernação japonesa
- constrói o teu caderno
(Carrinha Chapa Azul)
Obs. Máximo de 10 participantes

  • TER/26 

10:00H
Contaoteuconto
– oficina criativa
(Biblioteca Municipal)


  • QUA/27 

10:00H
Contaoteuconto
– oficina criativa
(Biblioteca Municipal)


  • QUI/28 

10:00H
Contaoteuconto
– oficina criativa
(Biblioteca Municipal)


18:00H
Gravura em cuvetes 
- O meu personagem preferido!
(Carrinha Chapa Azul)
Obs. Máximo de 10 participantes


  • SEX/29 

10:00H
Contaoteuconto
– oficina criativa
(Biblioteca Municipal)


18:00H
Impressão em gelatina
- O meu personagem preferido!
(Carrinha Chapa Azul)
Obs. Máximo de 10 participantes


  • SÁB/30 

18:00H
Linogravura / carimbo
- O meu ex-libris
(Carrinha Chapa Azul)
Obs. Máximo de 10 participantes



CONVITE para o próximo "À Conversa com … Cristina Carvalho" | 15 [sexta feira] de julho 2016


a escritora Cristina Carvalho


e o livro "O Olhar e a Alma"

21h30 | sala Couto Viana


Cristina Carvalho nasceu em Lisboa, a 10 de novembro de 1949. Durante a sua atividade profissional, contactou com milhares de pessoas e visitou inúmeros países sendo a Escandinávia e o Oeste português as regiões que mais ama e que mais influência exercem sobre a sua personalidade enquanto transitório ser humano do sexo feminino, habitante do planeta Terra e, por acaso, escritora.

Publicou: Momentos misericordiosos (1992), Até já não é adeus (1989), Estranhos casos de amor (2003), Nocturno - O romance de Chopin (2010), Lusco-fusco (2011), A Casa das Auroras (2011),  Rómulo de carvalho/António Gedeão (2012), Marginal (2013), Ana de Londres (2013), Quatro cantos do Mundo (2014), O gato de Uppsala (2015) e O Olhar e a Alma (2015) vencedor do o Prémio Autores 2016 para o Melhor Livro de Ficção Narrativa.

Sinopse : O Olhar e a Alma (2015)
Alguém comparou a mulher que se viu voar naquela manhã da janela de um quinto andar de Paris a um anjo. Mas não era um anjo, era Jeanne: Jeanne Hébuterne, a menina-viúva, grávida de nove meses, de um dos artistas mais desprezados em vida e mitificados na morte que o século XX viu surgir - Amedeo Modigliani.

CONVITE para o próximo "À Conversa com … ALBERTO S. SANTOS" | 24 [sexta feira] de junho 2016


o escritor Alberto S. Santos


e o livro "Para lá de Bagdad"

21h30 | sala Couto Viana



AUTOR:

Alberto S. Santos é formado em Direito pela Universidade Católica Portuguesa. É natural de Paço de Sousa, Penafiel, onde reside.
Publicou os bestsellers:
A Escrava de Córdova (2008),
A Profecia de Istambul (2010),
O Segredo de Compostela (2013)
e Para lá de Bagdad (2016).
Participa também na Coletânea de Contos de autores lusófonos Roça Língua (2014).

Para lá de Bagdad 
— Um romance envolvente sobre um dos momentos mais intrigantes da História da Idade Média ... A 21 de junho de 921, Ahmad ibn Fadlan, emissário do califa, parte de Bagdad para uma arriscada missão na Bulgária do Volga, na Rússia atual. Para trás, deixa os mestres e companheiros da Casa da Sabedoria, que ergueram a época dourada do Islão.

CONVITE para o próximo "À Conversa com … ANA MARGARIDA DE CARVALHO" | 27 [sexta feira] de maio 2016


a escritora Ana Margarida de Carvalho


e o livro "Não se Pode Morar nos Olhos de um Gato"

21h30 | sala Couto Viana


AUTOR:
Ana Margarida de Carvalho, biografia

Ana Margarida de Carvalho nasceu em Lisboa, onde se licenciou em Direito e viria a tornar jornalista, assinando reportagens que lhe valeram sete dos mais prestigiados prémios do jornalismo português, entre os quais o Prémio Gazeta Revelação do Clube de Jornalistas de Lisboa, do Clube de Jornalistas do Porto ou da Casa de Imprensa. Passou pela redacção da SIC e publicou artigos na revista Ler, no Jornal de Letras, na Marie Claire e na Visão, onde ocupa actualmente o cargo de Grande Repórter e faz crítica cinematográfica no roteiro e no site de cinema oficial da revista, o Final Cut. Leccionou workshops de Escrita Criativa, foi jurada em vários concursos oficiais e festivais cinematográficos e é autora de reportagens reunidas em colectâneas, de crónicas, de guiões subsidiados pelo ICA e de uma peça de teatro.
Livros escritos por Ana Margarida de Carvalho:
- Não se pode morar nos olhos de um gato (2016)

- Que Importa a Fúria do Mar (2013)

CONVITE para o próximo "À Conversa com … João Ricardo Pedro" | 22 [sexta feira] de abril 2016

À conversa com...

o escritor João Ricardo Pedro


e o livro "Um postal de Detroit"

21h30 | sala Couto Viana


AUTOR:

João Ricardo Pedro nasceu em 1973, na Reboleira, Amadora. Curioso acerca da força de Lorentz, licenciou-se em Engenharia Eletrotécnica pelo Instituto Superior Técnico. Durante mais de uma década, trabalhou em telecomunicações sem, no entanto, alguma vez ter aplicado as admiráveis equações de Maxwell. Na primavera de 2009, em consequência do carácter caprichoso dos mercados, achou-se com mais tempo do que aquele de que necessitava para cumprir as obrigações do quotidiano. Num acesso de pragmatismo, começou a escrever. O Teu Rosto Será o Último é o seu romance de estreia e com o qual recebeu o Prémio LeYa 2011. 

CONTORNOS DA PALAVRA | VII Edição - 20 a 26 de Fevereiro de 2016


Uma nova imagem... 

um objectivo continuado...
e em cada ano... 
um tema aglutinador:




De 20 a 26 de Fevereiro, decorre em Viana do Castelo a 7ª edição dos Contornos da Palavra. Esta é uma iniciativa da Câmara Municipal de Viana do Castelo que visa marcar um universo de reflexão em torno da palavra centrada em grandes temáticas da literatura, estimulando a literatura e a escrita, a partir da partilha de uma reflexão construtiva e da necessidade de mais e melhores leitores. Contempla a dinamização de sessões nas Escolas do concelho com a presença de diversos escritores e ilustradores. Terão lugar, ainda, momentos de animação da leitura nas diversas Escolas do concelho, com sessões de teatro e contadores de histórias.


No dia 20 de Fevereiro, realiza-se o VIII Encontro de Bibliotecas Escolares. 
Consultar programa específico em: http://www.biblioteca.cm-viana-castelo.pt/



CONVITE para o próximo "À Conversa com … Gonçalo Cadilhe" | 4 [sexta feira] de março 2016

À conversa com...

o escritor Gonçalo Cadilhe


e o livro "O mundo é fácil"

21h30 |sala Couto Viana


AUTOR:

Gonçalo Cadilhe nasceu na Figueira da Foz em 1968, cidade onde cresceu e que mantém como residência. Licenciou-se em Gestão de Empresas na Universidade Católica do Porto, em Setembro de 1992, fazendo parte da primeira "fornada" de licenciados deste curso. Durante os anos da Universidade frequentou também a Escola de Jazz do Porto. Depois de uma breve passagem pelo mundo da Gestão de Empresas, em Abril de 1993 começou a viajar e a escrever sobre viagens de forma profissional. Tem dez livros publicados e assinou três documentários de viagens para a RTP2. Organiza e acompanha mini-tours pelo globo em colaboração com a agência PLV (www.pintolopesviagens.com). É colaborador nas revistas portuguesas Blitz, Surf Portugal, e na revista Única, do jornal Expresso, nas quais tem já alguns trabalhos publicados.
Como escritor viajante procura tornar a sua experiência uma experiência de toda a gente, com a partilha de meios, pessoas, destinos e rotas.

Títulos já publicados:
Planisfério Pessoal (2005); No princípio estava o mar (2005); A Lua Pode Esperar (2006); África Acima (2007); Nos Passos de Magalhães (2008); Tournée (2008); 1 KM de Cada Vez (2009); O Mundo é Fácil - Aprenda a viajar com Gonçalo Cadilhe (2010); Encontros Marcados (2011); Um lugar dentro de nós (2012) e Passagem para o horizonte (2014).

Página web do escritor:


Sinopse
Este livro destina-se todos os que sonharam já em viajar mas nunca souberam por onde começar nem nunca foram encorajados a partir. Destina-se a tipos gregários que nunca encontram companhia para viajar, para que fiquem a saber que a melhor companhia é a que se arranja viajando. Destina-se a mulheres independentes que irão descobrir que não precisam de um homem para nada se quiserem desaparecer pelo mundo durante uns tempos. Destina-se a pais cépticos ou preocupados por verem os filhos partir em viagem. Destina-se também a pais desesperados pela falta de maturidade dos filhos, que encontrarão aqui a melhor terapia de choque para os fazer crescer. E ainda, destina-se também a pais que partem em viagem deixando filhos invejosos e perplexos por os verem gozar a reforma com uma mochila às costas. Dos 7 aos 77 anos, nunca foi tão fácil viajar como agora. “O Mundo É Fácil” demonstra-o.

À conversa com...… é uma iniciativa da Biblioteca Municipal de Viana do Castelo que visa promover, em torno do livro, o diálogo e a troca de conhecimentos com escritores contemporâneos, proporcionando a oportunidade de conviver de perto com os autores e a sua obra. Pretende-se que seja um espaço de incentivo à leitura, de divulgação das obras dos autores da atualidade, de promoção da cultura e do conhecimento e, sobretudo, de interação entre o público leitor e os escritores. 

CONVITE para o próximo "À Conversa com … António Mega Ferreira" | 22 [sexta feira] de janeiro 2016

À conversa com...

o escritor António Mega Ferreira

e o livro "Hotel Locarno"

21h30 |sala Couto Viana




AUTOR:

António Mega Ferreira escritor, gestor e jornalista, nasceu em Lisboa em 1949, estudou Direito e Comunicação Social, foi jornalista no Jornal Novo, Expresso e O Jornal, e na RTP, onde chefiou a redação da Informação do segundo canal. Foi chefe de redação do JL - jornal de letras, artes e ideias. Fundou as revistas Ler e Oceanos. Chefiou a candidatura de Lisboa à Expo’98 e foi comissário executivo da Exposição Mundial. Foi presidente da Parque Expo, do Oceanário de Lisboa e da Atlântico, Pavilhão Multiusos. De 2006 a 2012 presidiu a Fundação Centro Cultural de Belém. Atualmente, desempenha as funções de diretor executivo da AMEC|Metropolitana. Tem mais de trinta obras publicadas, entre ficção, ensaio, poesia e crónicas. Em 2002 foi-lhe atribuído o Grande Prémio Camilo Castelo Branco pelo seu livro de contos A expressão dos afectos. Na Sextante Editora publicou A blusa romena, Lisboa Song, Roma - Exercícios de reconhecimento, Macedo - Uma biografia da infâmia e, mais recentemente, Cartas de Casanova - Lisboa 1757.

Sinopse
Da solidão sem esperança do xerife de Rio Bravo à busca sem horizonte num lugar qualquer do Alentejo, treze contos em que se contam desencontros e incompreensões, como os quartos fechados de um hotel romano, sem portas de comunicação uns com os outros. Um conferencista que se precipita na memória de um nome amado, um cadete da marinha que faz da dissimulação o seu livre-trânsito para a liberdade, um diplomata incapaz de resistir ao perfume de uma baiana e de tolerar o aroma de um fruto tropical, uma criança que nunca será capaz de perdoar ao pai uma recusa que lhe nega a possibilidade de ser sujeito da História, são outras tantas almas desiludidas e errantes que se acolhem à sombra protetora do Hotel Locarno. De passagem. Rumo a outro hotel qualquer.


À conversa com...… é uma iniciativa da Biblioteca Municipal de Viana do Castelo que visa promover, em torno do livro, o diálogo e a troca de conhecimentos com escritores contemporâneos, proporcionando a oportunidade de conviver de perto com os autores e a sua obra. Pretende-se que seja um espaço de incentivo à leitura, de divulgação das obras dos autores da atualidade, de promoção da cultura e do conhecimento e, sobretudo, de interação entre o público leitor e os escritores. 


Poesia a copo

CONVITE POÉTICO

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo e o Presidente da Associação de Municípios Portugueses do Vinho convidam-no(a) a participar na Tertúlia "Poesia a Copo", que terá lugar no dia 7 de Dezembro, às 21,30 horas, no Museu de Artes Decorativas - Sala dos 4 Continentes. 

CONVITE para o próximo "À Conversa com … Francisco Moita Flores" | 11 [sexta feira] de Dezembro 2015

À conversa com...

o escritor Francisco Moita Flores


e o livro "O dia dos milagres"

21h30 |sala Couto Viana


AUTOR:
Francisco Moita Flores regressa com uma história empolgante ocorrida nos dias que antecederam o golpe que haveria de restaurar a independência de Portugal, no dia 1 de Dezembro de 1640. O Dia dos Milagres é uma viagem apaixonante aos últimos dias do regime filipino que haveria de baquear no golpe de Estado que iniciaria a dinastia de Bragança.
Depois de Segredos de Amor e Sangue, O Dia dos Milagres é mais uma pedra no caminho de sucessos literários que marcam o percurso deste conhecido escritor que assinou obras como A Fúria das Vinhas, A Opereta dos Vadios, O Bairro da Estrela Polar, Mataram o Sidónio!, entre muitas outras.
Autor de grandes séries para televisão, como A Ferreirinha, O Bairro, Ballet Rose, A Raia dos Medos, Alves dos Reis, reconhecido pela crítica foi distinguido em Portugal e no estrangeiro pela qualidade da sua obra, e foi condecorado pelo Presidente da República com o grau de Grande Oficial da Ordem do Infante pela carreira literária e pública. Actualmente, é o presidente da Sociedade da Língua Portuguesa.

Francisco Moita Flores, nasceu em Fevereiro de 1953, na cidade alentejana de Moura.


Sinopse

Um Portugal agrilhoado que desespera por D. Sebastião. Um golpe impensável que devolveu a dignidade a Portugal.
Uma história de amor que mudou a História.
O Dia dos Milagres é uma viagem apaixonante aos últimos dias do regime filipino que haveria de baquear no golpe de Estado que iniciaria a dinastia de Bragança.
O autor centra a acção em Vila Viçosa, onde viviam os Duques de Bragança, e conduz-nos pelos dias de ansiedade, dias terríveis, vividos entre crenças e superstições, marcado por revoltas e sofrimento, num Portugal pobre e cansado, traumatizado pela tragédia de Alcácer Quibir, de onde espera que chegue o Rei Sebastião.
O Dia 1 de Dezembro de 1640 foi um momento único da História de Portugal. Uma data que foi desprezada, até deixou de ser feriado, decisão que enxovalha a memória portuguesa. Um punhado de fidalgos, apoiado pelo Povo de Lisboa, enfrentou o mais poderoso Império do mundo. E devolveu a dignidade a Portugal. São os preparativos dessa saga extraordinária que percorrem as páginas deste romance apaixonante, terno, para que a memória colectiva não esqueça, aquilo que os novos servos do nosso tempo esqueceram, julgando Portugal do tamanho de um mero livro de contabilidade.

CONVITE para o próximo "À Conversa com …" | 26 [quinta feira] de Novembro 2015

À conversa com...

o escritor JOSÉ LUÍS PEIXOTO


e o livro "EM TEU VENTRE"

21h30 |sala Couto Viana


AUTOR:
José Luís Peixoto nasceu em Galveias, em 1974. É licenciado em Línguas e Literaturas Modernas (Inglês e Alemão) pela Universidade Nova de Lisboa. A sua obra ficcional e poética figura em dezenas de antologias, traduzidas num vasto número de idiomas e estudada em diversas universidades nacionais e estrangeiras.
Em 2001, acompanhando um imenso reconhecimento da crítica e do público, foi-lhe atribuído o Prémio Literário José Saramago com o romance Nenhum Olhar.
Em 2007, com o livro Cemitério de Pianos recebeu o Prémio Cálamo Otra Mirada, destinado ao melhor romance estrangeiro publicado em Espanha.
Em 2008, recebeu o Prémio de Poesia Daniel Faria com o livro Gaveta de Papéis.
Em 2010, o seu romance Livro venceu o prémio Libro d'Europa, em Itália, e foi finalista do prémio Femina, em França.
Em 2012, publicou Dentro do Segredo, Uma Viagem na Coreia do Norte, a sua primeira incursão na literatura de viagens.
Em 2014, publicou o romance Galveias e em 2015, Em Teu Ventre, onde apresenta, numa perspetiva inteiramente nova, o retrato de um dos episódios mais marcantes do século XX português: as aparições de Nossa Senhora a três crianças, entre maio e outubro de 1917. Os seus romances estão traduzidos em vinte idiomas.

Mais informação sobre o autor: http://www.joseluispeixoto.net/